[Eu Assisti # 21] Valente

Título Original: Brave
Sinopse: Desde os tempos ancestrais, histórias de batalhas épicas e lendas míticas passaram de geração para geração nas montanhosas e misteriosas Terras Altas da Escócia. Merida (voz de Kelly Macdonald) é uma habilidosa arqueira e a impetuosa filha do Rei Fergus (voz de Billy Connolly) e da Rainha Elinor (voz de Emma Thompson). Determinada a trilhar o seu próprio destino, Merida desafia um costume ancestral, sagrado para os poderosos senhores da terra: o intenso Lorde MacGuffin (voz de Kevin McKidd), o arrogante Lorde Macintosh (voz de Craig Ferguson) e o irritante Lorde Dingwall (voz de Robbie Coltrane). As ações de Merida lançam inadvertidamente o caos e a fúria no reino, e quando ela recorre a uma velha e excêntrica Bruxa (voz de Julie Walters) a ajuda vem em forma de maldição. O perigo iminente força Merida a descobrir o significado da verdadeira coragem para que possa desfazer a terrível maldição antes que seja tarde demais.



Brave (Valente) é um filme americano de 2012 dirigido por Mark Andrews e produzido pela Pixar Animation Studios, a décimo-terceira animação realizada pelo estúdio. Em 3-D, o filme conta com roteiro de Brenda Chapman, e é caracterizado por ser a primeira animação da Pixar protagonizado por uma mulher, Merida. O filme conta com as vozes de Kelly Macdonald, Billy Connolly, Emma Thompson, e Julie Walters. A distribuição é feita pela Walt Disney Pictures, e foi lançado em 22 de junho de 2012 nos Estados Unidos, em 20 de julho no Brasil e em 15 de agosto em Portugal. O filme foi recebido de forma geralmente positiva pelos críticos especializados, obtendo uma média de 77% de aprovação no agregador Rotten Tomatoes, que se baseou em 183 resenhas recolhidas.


Produção: Brave foi anunciado para a mídia pela primeira vez em abril de 2008, naquela época, o título do filme era The Bear and the Bow. Brave é o primeiro conto de fada produzido pela Pixar, e foi considerada pelos críticos, uma das películas mais sombrias e maduras, quando comparado às outras produções já feitas pela Pixar. Brenda Chapman escreveu o roteiro de Brave, e logo depois, foi anunciada como a diretora da animação, fazendo dela a primeira mulher a dirigir um filme da Pixar, mas em outubro de 2010, ela acabou sendo substituída por Mark Andrews, devido à divergências criativas.
A princesa Merida é a primeira protagonista feminina de um filme da Pixar.A voz dela seria inicialmente dublada pela atriz Reese Witherspoon,que acabou recusando devido à falta de tempo. Ao invés dela, foi escolhida para dublar a personagem, a atriz escocesa Kelly Macdonald. Os créditos finais do filme incluem uma homenagem especial ao co-fundador da Pixar, Steve Jobs, que morreu em 2011.



Sobre o filme: Merida era a filha mais velha do rei Fergus e da rainha Elinor e como tal, possuía deveres dos quais ela era obrigada a cumprir, mas a princesa queria ser livre para escolher seu próprio destino. Merida que sempre teve uma relação muito próxima com os pais e apesar de amá-los muito ela sentia que poderia contar mais com seu pai ,já que eles gostavam das mesmas coisas, do que com sua mãe que desejava que ela fosse refinada e delicada como ela. Até ai tudo bem, Merida poderia agüentar todos as aulas e deveres impostos pela mãe, já que sempre tinha um dia que ela sempre podia fazer o que quisesse, mas tudo muda quando sua mãe anuncia, que os lordes MacGuffin, Macintosh e Dingwall, viram juntamente com seus clãs, para que seus filhos e herdeiros possam disputar a mão de Merida. Revoltada com seu destino e zangada com sua mãe, por nunca escuta-lá, Merida então decide desafiar os seus pretendes, e como é uma habilidosa arqueira, ela termina por derrotar os três, para desgosto de sua mãe. Após uma discussão horrível entre ela e sua mãe, Merida sai sem rumo pela floresta e acaba encontrado um excêntrica bruxa, que confecciona objetos tendo ursos como tema principal. Pensando apenas em evitar um casamento forçado, Merida decide comprar um feitiço que mude sua mãe, o problema é que o feitiço acaba transformado a rainha Elinor em um urso. Agora Merida precisa encontrar uma maneira de reverter o feitiço, antes do segundo pôr do sol, senão sua mãe será um urso para sempre.


Meus comentários: Valente é um filme encantador que fará você rir e se emocionar com a estória de Merida, uma  princesa forte e decidida, que deseja apenas encontrar seu próprio caminho, mas que durante sua trajetória cometerá alguns erros, que mesmo sem querer poderão magoar as pessoas que ela mais ama.
Super Recomendo e não esqueçam de comentar!!

6 comentários :

  1. Eu adoro assistir desenhos!
    Vou conferir Valente!
    Beijos
    Amanda
    leiturahot.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi Marla!
    Eu quero muito assistir Valente. Vi o trailler várias vezes e achei a Merida muito fofa *--* Esse cachos ruivos dela são uma graça e combinam direitinho com essa personalidade dela.
    Uma ótima dica de filme :)
    Beijos ;*
    http://coisasdemeninasarteiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Oi!
    Parece ser bem divertido mesmo. Eu estou curioso e espero gostar também.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  4. Oi Marla, eu assisti ao filme em casa mesmo, a imagem não estava lá grandes coisas, mas deu pra ver como a animação foi bem feita, que lindeza de filme, amei demais.
    A Merida é especial, que cabelos lindos e loucos, adoro ruivo.
    Não tem nada que não tenha me agrado, gostei de tudo, sua postagem está show.
    Beijos
    Viviane
    Razão e Resenhas

    ResponderExcluir
  5. adoro animação
    e pretendo assistir esse em breve.
    bjs

    ResponderExcluir
  6. Oi Marla
    adoro estes desenhos modernos e com certeza vou ver esse tb, só me falta tempo.
    Olha, o blog está muito bonito, adoro suas resenhas.
    Eu comecei semana passada a escrever um romance que me pediram e estou amando. Em breve te conto novidades sobre isso.
    Qd puder, passa lá no blog.
    bjks
    Nathal
    http://mromances.blogspot.com

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita e pelo comentário:)