Resenha: Dizem Por aí... – Jill Mansell

Título Original: Rumour has it.
Livro no Skoob ||Classificação:♥(favorito)
Editora: Novo Conceito || Nº de páginas: 432
Sinospe:O namorado de Tilly Cole acaba de se mudar do flat deles com metade de suas coisas. Sem nada para prendê-la, Tilly decide rapidamente morar mais perto de sua melhor amiga, Erin, em um vilarejo minúsculo em Cotswolds. Lá, Tilly é contratada no mesmo momento como faz-tudo em uma empresa de design de interiores. Para sua surpresa, a cidade pequena transborda escândalo, sexo, fofoqueiros e boatos, focados basicamente em Jack Lucas, o homem lindo de muita classe e melhor amigo de seu chefe. Todos falam para Tilly ignorar o encanto por Jack, que ela será apenas outra em sua cama se ela se deixar levar; mas Tilly, que trabalha ao lado de Jack, enxerga uma parte carinhosa e cuidadosa dele que não é revelada à cidade. É impossível que ele seja a mesma pessoa de quem todos falam. Ou é possível? Tilly deve separar os fatos da ficção e seguir seu instinto neste divertido romance moderno.


Sobre o livro: Tilly Cole é uma jovem de vinte oito anos, que após ser abandonada pelo namorado Gavin, com quem ela dividia um apartamento, decide passar um tempo com a sua melhor amiga Erin, que vive na pequena cidade de Roxborough. Além de não ter nada que pudesse prendê-la em seu antigo lar e ainda contado com o bônus de morar perto da amiga, Tilly acaba decidido ficar em Roxborough, depois de conseguir um emprego de faz tudo de Max Dineen. Max é um quarentão, sarcástico, divorciado e gay, que trabalha com decoração de interiores, ele é pai da independente Louisa ou simplesmente Lou, que tem treze anos. Por causa do trabalho, Tilly acaba conhecendo o charmoso e mulherengo Jack Lucas, que é amigo e sócio de Max. Apesar dos avisos tanto de Erin, quanto de Max, para não se deixar seduzir por Jack, a atração que nasce entre ele e Tilly e inevitável, porém ela acaba fazendo de tudo para resistir, pois teme se magoar, mal sabendo ela que Jack teme o mesmo.

— Não se preocupe, não planejo ser o troféu de ninguém, especialmente de alguém que usa cantadas como...
A porta da cozinha se abriu e a cabeça de Jack apareceu.
— Diabos, era para você ter ido embora — disse Max. — Como vamos falar de você pelas costas com você rastejando por aí e ouvindo escondido?
— Desculpem. — Pelo modo como Jack estava sorrindo, era óbvio que havia ouvido cada palavra. — Eu estava de saída, mas vi algo interessante no corredor lá fora. — Ele ergueu uma sobrancelha para Tilly. — Duas coisas interessantes, para ser mais exato.

Em paralelo ao jogo de sedução entre Tilly e Jack, acompanhamos as histórias de Erin e de Kaye. Erin estar saído em segredo, há seis semanas com Fergus Welch, um simpático corretor. O problema e que ele foi casado por doze anos, com Stella, uma mulher autoritária e muitas vezes cruel, que não vai desistir tão fácil assim, de ter seu ex-marido de volta. Já Kaye Mckenna (Dineen), a ex-mulher de Max e mãe de Lou, ela trabalha como atriz na Califórnia e possuía uma carreira de sucesso, até que um incidente  estraga tudo, fazendo com que ela volte a morar em Roxborough, porém o futuro lhe reserva grandes surpresas.

— Podemos discutir a Itália. — A boca dele já não estava tão distante como há vinte segundos. — Você já foi para a Itália?
— Não.
— Poxa. Estamos ficando sem assunto. — Ele esperou. — Se eu dissesse que gosto de você, você pensaria que estou passando uma cantada?
Tilly conseguiu concordar com a cabeça.
— Bem, mas não estou. Gosto mesmo de você. Muito — disse Jack. — Isso chega a me assustar. Não tenho certeza se quero que isso aconteça.


Tinha curiosidade de ler esse livro, desde o seu lançamento no ano passado, mas ainda não tinha tido uma oportunidade, mas posso dizer que a espera valeu a pena. Autora conseguiu construir uma trama simples e ao mesmo tempo divertida, e claro que temos alguns momentos tensos e até mesmo tristes, porém  no final  você termina tendo uma leitura leve e agradável. Os personagens são carismáticos e alguns são bem engraçados, dei boas risadas com os comentários de Max e com os micos de Tilly,  sério nunca li sobre uma personagem que tivesse imã para situação constrangedora, como a Tilly e pior sempre quando Jack estava por perto. Gostei da forma natural como a relação entre eles (Tilly e Jack), vai se desenvolvendo, assim como gostei também da autora ter dado destaque a outros personagens, já que acompanhamos principalmente a visão de Tilly, Erin e Kaye. Enfim Dizem por Aí..., foi uma leitura muito agradável, que entrou para lista dos favoritos. Recomendo!!


13 comentários :

  1. Eu sei que tem mt gente que detesta essa capa mas eu acho ela mt mt mt linda, tenho mt vontade de ler esse livro! Acho que ele tbm vai entrar pra lista dos meus favoritos.
    Amei o post!
    Beijocas! Fique com Deus!
    Jesus te ama <3
    http://hey-mygod.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Eu li esse livro a um tempo e gostei até, sim é uma leitura super agradável, porém o achei bom somente
    Beijokas, Brubs
    Livros de Cabeceira
    @IWannaRuffles

    ResponderExcluir
  3. Ah, esse livro deve ser uma delícia de ler! <3
    To precisando de um livro mais levinho assim.

    Um beijo,
    Luara - Estante Vertical

    ResponderExcluir
  4. Eu já li outras resenhas desse livro mas essa foi a primeira vez que eu realmente me interessei por ele. Acho que porque nas outras resenhas foram mais breves falando sobre os personagens e a história, agora realmente me chamou a atenção. Também pelas quotes que você colocou... a primeira com a Tilly e o Max falando do Jack, deve ser bem divertido e uma leitura bem leve. Vou por na lista de leituras! :))

    Beijos.
    http://viciosemtres.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  5. Oi Marla!
    Esse livro é adorável mesmo.
    Eu curti a leitura e o romance presente na história é uma delícia. A química entre os protagonistas é muito boa. Só esperava um pouco mais do final, entende? Mas achei a leitura satisfatória.
    Gostei de saber sua opinião.
    Abraço!

    "Palavras ao Vento..."
    www.leandro-de-lira.com

    ResponderExcluir
  6. Oi Marla! Que delícia de resenha, o livro mexeu mesmo com você, afinal você falou dele com muito carinho. Tem jeito de história fofa e apaixonante, no estilo das melhores comédias românticas. ADORO!

    Bjos!!
    Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  7. Oie,
    tb curti esse livro.
    Achei mto fofo e bem distribuído.

    bjos

    http://blog.vanessasueroz.com.br

    ResponderExcluir
  8. Oi Marla :)
    Eu gostei muito de Dizem por aí, a história me conquistou e Jack...ai, ai...é tudo de bom!
    Mas vou confessar: Max foi quem me ganhou de todo coração. <3 Quer relacionamento mais fofo que o dele e da ex esposa? Acabei o livro caída de amores por ele. rs
    Beijos
    http://www.coisasdemeninas.blog.br/

    ResponderExcluir
  9. Eu achei a Tilly bem fofoqueirinha, rsrs.

    http://meuhobbyliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  10. Oi Marla, tudo bem flor?
    Eu adoro esse livro, foi uma de minhas leituras mais divertidas de 2012. Divertidíssimo, e de fato o Max é um personagem ótimo. Foi por causa desse livro que adquiri outros livros da autora, mas infelizmente ainda não consegui ler.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    Você é o que lê

    ResponderExcluir
  11. Olá Marla

    Não conhecia o livro ainda, mas gostei bastante dos seus comentários e é mais um que entrará na minha lista.
    Abraços

    http://reaprendendoaartedaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. li a pouco o outro livro da autora e curti bastante o jeito dela de escrever, apesar de ter achado seu humor muito britânico pro meu gosto. A história é bem desenvolvida e tenho esse livro e pretendo assim que possivel lê-lo.
    percebi também que a autora curti criar relações paralelas entre os personagens secundários, mostrando que eles também tem vida
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Oi Marla, esse livro é tudo de bom. Um dos poucos chick-lits que me divertiu de verdade. Amei tudo nele e sempre que posso dou umas folheadas.

    Beijos
    Caline - Mundo de Papel

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita e pelo comentário:)