Trechos: Ligeiramente Maliciosos e O Sangue de Cordeiro

Confiram um trecho dos livros: Ligeiramente Maliciosos e Sangue de Cordeiro, lançamentos de abril, da @editoraarqueiro. 

Ligeiramente maliciosos
Mary Balogh



Trecho do livro:
Momentos antes da diligência virar, Judith Law estava imersa em uma divagação que a fez se esquecer da natureza desagradável de sua vida. Pela primeira vez em seus 22 anos, ela viajava de diligência. Logo depois dos primeiros quilômetros na estrada, entretanto, abandonou a ideia romântica de que aquele fosse um modo aventureiro de viajar. Estava imprensada entre uma mulher, cuja circunferência exigia um assento e meio de espaço, e um homem magro e inquieto que, agitando constantemente seus cotovelos à procura de uma posição mais confortável, acertava-lhe de forma nada agradável em lugares muitas vezes embaraçosos. Um homem corpulento roncava sem parar à sua frente, o que aumentava de modo considerável o nível de barulho da viagem. A mulher a seu lado lamentava sua vida para alguém desafortunado ou tolo o bastante para ter feito contato visual com ela. O homem quieto do lado oposto ao de Judith exalava um cheiro insuportável, uma singular fragrância de cebola e alho. A diligência sacudia, vibrava e estremecia a cada pedra ou buraco que encontrava pelo caminho. Ao menos, era o que parecia a Judith.



Sobre a autora: Mary Balogh nasceu e foi criada no País de Gales, sempre sonhou ser escritora e tinha certeza de que, no dia em que escrevesse um livro, ele seria ambientado na Inglaterra do Período da Regência. Quando sua filha mais nova tinha 6 anos, Mary finalmente encontrou tempo para se dedicar ao antigo sonho. Depois de três meses escrevendo, a primeira versão de sua obra de estreia estava pronta. Publicada em 1985, deu a Mary o prêmio da Romantic Times de autora revelação na categoria Período da Regência. Em 1988, ela passou a se dedicar apenas aos livros.


O Sangue do Cordeiro
Sam Cabot


Trecho do livro:
21 de abril de 1992
Ele não estava preparado.
E nunca poderia ter se preparado. Quando o Fogo começou a queimá-lo por dentro, ele entendeu isso. Eles já tinham discutido o assunto, bem a fundo e por muito tempo. Era a coisa certa ou errada? Ela o havia alertado, recomendado paciência. Mas ele sabia o que queria, sabia com uma certeza ferrenha e que no entanto também parecia vacilar como uma onda infinita no oceano. Ela queria o mesmo, ele sabia, e sua reserva era uma tentativa de protegê-lo do erro irreparável– se fosse mesmo errado. Não era, ele tinha certeza; pelo contrário, era a escolha que poderia aproximar um do outro com uma intensidade ainda maior que o amor e o vínculo que já partilhavam.  Eles decidiram, e assim que deixaram o se para trás, o quando e o onde tornaram-se simples. Agora, naquele crepúsculo suave da primavera, o céu esmaecendo do violeta ao ônix, como na noite em que ela lhe revelara que aquilo seria possível. Ali, na saleta da antiga casa onde ela morava, uma torre erigida séculos antes naquele local que viu Roma crescer ao redor, que assistiu ao mundo mudar.

Sobre os autores: Sam Cabot é o pseudônimo de Carlos Dews e S. J. Rozan.
Carlos Dews é professor-associado e titular do Departamento de Língua e Literatura Inglesa na Universidade John Cabot, onde dirige o Instituto de Escrita Criativa e Tradução Literária. Mora em Roma.
S. J. Rozan é autora de muitos romances aclamados pela crítica e de contos policiais agraciados com os maiores prêmios da literatura do gênero, incluindo o Edgar Allan Poe, o Shamus, o Anthony, o Macavity e o Nero. Nascida e criada no Bronx, Rozan vive atualmente em Manhattan.


7 comentários :

  1. Oi!
    Não li ainda nenhum desses livros históricos mas tenho vontade. O Sangue do cordeiro tbm chamou minha atenção.
    Abraço!
    Leitura Fora de Série

    ResponderExcluir
  2. Oi Marla!
    Dois livros que quero muito ler!

    bjks!
    http://www.historias-semfim.com/

    ResponderExcluir
  3. Oi Marla
    Estou ansiosa para ler esse livro *-*
    Já li o primeiro e adorei!!
    Beijinhos
    Renata
    Escuta Essa

    ResponderExcluir
  4. Oi, Marla!
    Eu quero muito ler a série da Balogh! Ela parece escrever romances muito bons e não tão melosos. Quero conhecer a escrita dela.
    Boas leituras!
    Abraço!

    "Palavras ao vento..."
    www.leandro-de-lira.blogspot.com

    ResponderExcluir
  5. Oi Marla, tudo bem?
    Eu nunca dispenso os trechos que a editora disponibiliza, é através deles que escolho minhas leituras, porque posso ter uma boa ideia da escrita da autora.
    Dos livros citados não pretendo ler no momento.

    Beijos.
    Leituras da Paty


    ResponderExcluir
  6. Acabei de ler "Ligeiramente Maliciosos" e adorei!
    Bjs
    http://eternamente-princesa.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oie Marla! :D
    Ligeiramente Maliciosos está na minha lista de desejados! *o* Como eu quero ler esse livro, ele parece ser ótimo!

    Beijos e até logo! ;)
    https://worldofmakebelieveblog.wordpress.com/

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita e pelo comentário:)