Resenha: Ligeiramente Maliciosos – Mary Balogh

Título Original: Slightly Wicked
Skoob • 288 páginas • Os Bedwyns # 02
Classificação:4/5 •  Editora: Arqueiro
Após sofrer um acidente com a diligência em que viajava, Judith Law fica presa à beira da estrada no que parece ser o pior dia de sua vida. No entanto, sua sorte muda quando é resgatada por Ralf Bedard, um atraente cavaleiro de sorriso zombeteiro que se prontifica a levá-la até a estalagem mais próxima. Filha de um rigoroso pastor, Judith vê no convite do Sr. Bedard a chance de experimentar uma aventura e se apresenta como Claire Campbell, uma atriz independente e confiante, a caminho de York para interpretar um novo papel. A atração entre o casal é instantânea e, num jogo de sedução e mentiras, a jovem dama se entrega a uma tórrida e inesquecível noite de amor. Judith só não desconfia de que não é a única a usar uma identidade falsa. Ralf Bedard é ninguém menos do que lorde Rannulf Bedwyn, irmão do duque de Bewcastle, que partia para Grandmaison Park a fim de cortejar sua futura noiva: a Srta. Julianne Effingham, prima de Judith. Quando os dois se reencontram e as máscaras caem, eles precisam tomar uma decisão: seguir com seus papéis de acordo com o que todos consideram socialmente aceitável ou se entregar a uma paixão avassaladora? Neste segundo livro da série Os Bedwyns, Mary Balogh nos conquista com mais um capítulo dessa família que, em meio ao deslumbramento da alta sociedade, busca sempre o amor verdadeiro.



A jovem Judith Law estar a caminho da casa dos tios em Harewood Grange, quando a diligência em que ela viajava sofre um acidente. Por obra do destino lorde Rannulf Bedwyn, que estava a caminho de Grandmaison Park para visitar a avó, para e oferece ajuda. Acompanhado de Judith, Rannulf parte para a cidade mais próxima com a missão de trazer socorro aos outros passageiros da diligência. 

Atraídos um pelo outro, tanto Judith, quanto Rannulf acabam mentindo sobre sua verdadeira identidade, ela se apresenta como Claire Campbell uma atriz que estar a caminho de York e ele como Ralf Bedard. Claire e Ralf vivem momentos de paixão, mas chega um momento em que o sonho precisa terminar e Judith precisa voltar para sua vida real, sendo assim ela parte acreditando que jamais voltara a ver Ralf Bedard.

Sonhos e realidade nunca se misturavam. Por que aquele sonho em particular, o mais glorioso de sua vida, acabara batendo de frente com a realidade que vivia?

O destino novamente entre em cena e o casal volta a se encontrar e acabam descobrindo que um mentiu para o outro.  Claire Campbell e na verdade Judith Law, a parenta pobre dos Effingham, e Ralf Bedard e ninguém menos que Rannulf Bedwyn irmão do duque de Bewcastle e pretendente a marido de Julianne Effingham, a tola e egoísta prima de Judith.

Como era de ser esperar Rannulf fica furioso ao descobrir que foi enganado e Judith ver seu sonho virar fumaça. Mas nem tudo estar perdido já que com a convivência a atração que existia entre os dois acaba se transformando em um sentimento mais forte, então fica a pergunta no ar: Poderão Rannulf e Judith apesar das diferenças financeiras e sociais encontrarem uma maneira de serem felizes juntos?

Posso lhe dizer sinceramente que nunca conheci uma mulher cuja beleza chegasse aos pés da sua.

Ligeiramente Maliciosos, traz uma trama interessante, fluida e com um casal que possui uma boa sintonia e química. Judith que possui três irmãs e um irmão e a segunda filha de um reverendo rigoroso, que sempre acreditou não possuir nenhuma beleza, quando na verdade, ela era uma jovem bela por dentro e por fora, com um talento incrível para atuação. Por conta da irresponsabilidade de seu irmão Branwell, um rapaz simpático, mas totalmente sem juízo sua família estar à beira da falência, por causa disso ela termina sendo obrigada a ir viver de favor na casa da insuportável tia Louisa, para cuidar da avó. Rannulf o terceiro irmão Bedwyn por tradição deveria seguir a carreira religiosa, mas por não ter nenhuma vocação acabou por decidir seguir seu próprio caminho. Levando uma vida de diversão e ócio, Rannulf só percebe que precisa dar um sentido a sua vida, quando conhece Judith.

- Srta.Law – disse o duque de Bewcastle, a voz tão baixa e fria que Judith ficou surpresa quando não viu o ar se congelar em estalactites sobre a cabeça dele -, seja bem – vinda á Bedwyn House.

Os irmãos Bedwyns trazem mais movimento a trama, assim como a presença das avós Lady Beamish e a fofa da Sra Law, que só desejam que seus netos encontrem a felicidade. O duque de Bewcastle entra em cena novamente para ajudar o casal de protagonistas, fazendo com que minha curiosidade por ele só aumente, não vejo a hora de ler sua história e descobrir quem será a mulher que conquistará esse homem arrogante e que carrega tanta responsabilidade. Enquanto isso o livro traz um aperitivo do que poderemos esperar da história de Freyja Bedwyn em Ligeiramente Escandalosos.

Ligeiramente Maliciosos é um bom livro com uma trama que possui romance, intrigas, bons personagens e até uma investigação a cerca de um roubo de joias, então finalizado recomendo com certeza!!

Resenha:

(Livro cedido ela editora para resenha)

3 comentários :

  1. pode surtar agora ou daqui a pouco?
    sou apaixonada por estes romances de época e ja faz um tempo que acompanho o trabalho da Mary no face, com as multiplas divulgações! Estou conhecendo uma nova forma de escrever romance de época que esta me encantando! Mary tem um jeito especial de escrever
    ja apaixonada
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi Marla! Estou ansiosa para conferir, o anterior me agradou muito e pelas resenha que tenho lido deste, acredito que é ainda melhor.

    Bjos!! Cida
    Moonlight Books

    ResponderExcluir
  3. Oi Marla!
    Também adorei a história e a participação das vovós na trama, o ritmo desse livro foi bem diferente do primeiro da série, o que me agradou! Agora nos resta a curiosidade pelo livro do duque, esse personagem que nos intriga tanto ;)
    Beijos... Elis Culceag. * Arquivo Passional *

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita e pelo comentário:)