Resenha: Volta Para Mim - Mila Gray

Título Original: Come Back to Me
Skoob • 272 páginas
Classificação: 4/5 • Editora: Arqueiro
Sinopse: Kit Ryan está de volta à sua amada Califórnia, de folga do serviço militar. Conquistador inveterado, ele só quer aproveitar as quatro semanas livres antes de retornar ao trabalho, mas se vê atraído pela irmã de Riley, seu melhor amigo. Há tempos Jessa Kingsley chama sua atenção, porém a família superprotetora dela sempre foi um obstáculo. Desta vez, contudo, Kit desiste de lutar contra os próprios sentimentos e logo Jessa se rende ao seu charme. O que começa apenas como um romance de verão rapidamente se torna um relacionamento apaixonado. Quando chega a hora de Kit voltar ao serviço com Riley, nem ele nem Jessa estão prontos para se despedir. Ela enfim está seguindo os seus sonhos e ele descobriu alguém por quem sacrificaria tudo. Jessa promete esperá-lo e Kit garante que voltará para ela. Não importa o que aconteça. Mas então uma visita inesperada traz uma notícia trágica: uma das pessoas que ela mais ama morreu em serviço. Quem terá sido? Seu irmão ou seu namorado? Em Volta Para Mim, Mila Gray constrói uma história de tirar o fôlego sobre amor, amizade e família, conduzindo o leitor por uma jornada de superação e autodescoberta.
Jessa Kingsley acaba de completar dezoito anos, as vésperas de sua formatura no colégio, ela já tem seu futuro traçado por seu pai autoritário, o coronel Kingsley. O fuzileiro naval Kit Ryan, acaba de voltar do Sudão e em suas quatro semanas de folga ele só pensa em curtir e desfrutar da companhia de Jessa, a irmã do seu melhor amigo Riley, porquem ele está interessado.

Por causa de sua fama de conquistador Kit nunca encontrou uma brecha, para declarar seus sentimentos a Jessa, mas agora ele estar disposto a ir até o fim para viver essa história. Apaixonada por Kit há anos, Jessa se rende aos seus encantos e não exita em burlar algumas regras para ficar com ele, já que o coronel Kingsley, não é o maior fã de Kit.

Mesmo em grupo, mantém-se em segundo plano, sem querer ser o centro das atenções. Foi por isso que levei tanto tempo para nota-la. Mas, depois que se opera aquela mudança, ela ilumina todo o ambiente. É como se o sol saísse de trás de uma nuvem.

As semanas passam e o casal se encontra cada dia mais apaixonados, mas logo Kit e Riley precisam partir e entre trocas de e-mails, Kit e Jessa reforçam as juras de amor e fazem planos para o futuro, até uma tragédia acontecer e mudar tudo.

A trama tem inicio com uma inesperada visita que traz uma triste noticia, tanto Jessa quanto nós leitores ficamos na angustiante expectativa de saber quem morreu: Kit ou Riley? Nesse momento a trama volta no tempo três meses para acompanharmos todo o desenvolvimento da história até aquele momento.

Com a narração intercalada entre Jessa e Kit, vamos aos poucos conhecendo a história do casal protagonista, como eles se conheceram, como e quando cada um despertou o interesse um no outro e o desenvolvimento do relacionamento deles, também conhecemos sua família e descobrimos que há um segredo por trás da inimizade que o pai de Jessa sente por Kit.


Ficamos alguns segundos nos olhando, sorrindo, como se nos faltassem palavras, e eu volto a me maravilhar com a cor de seus olhos, que me fazem lembrar um dia de verão. Sei que, sempre que me lembrar de Kit, vou pensar num dia de verão, pois ele me faz sentir banhada pelo sol.


Kit e aquele tipo de personagem que lhe conquista de primeira, graças ao seu jeito carismático e atencioso. Sua fama de conquistador faz com que muitos, inclusive Riley, não o considerem um candidato a bom namorado, mas ele prova no decorrer da trama que estar disposto a tudo para fazer Jessa feliz. Ela é uma jovem inteligente e sensata que tenta ao máximo passar despercebida, por conta de seu pai autoritário, mas com Kit, Jessa pode ser ela mesma, seja aprendendo a dirigir ou matando aula, ou até mesmo fazendo teste para uma peça de teatro, ele lhe devolve não só a liberdade, mas também a coragem de correr atrás de seus sonhos.

Volta para Mim, despertou meu interesse assim que li sobre seu lançamento, a curiosidade de conhecer a história assim como os personagens, me fizeram embarcar na viagen de 272 páginas com grande expectativa e felizmente elas foram atingidas. Mila Gray criou uma trama envolvente e cativante, que fala sobre amores, a importância da família, de amizades verdadeiras e sobre como aprendemos a lidar com a dor de perder alguém que amamos. Livro mais do que recomendado!!!

A vida é curta. Você só tem uma chance. Faça valer a pena.

*LIVRO CEDIDO PELA EDITORA ARQUEIRO PARA RESENHA*

1 comentários :

  1. estou louca para ler, tenho certeza que vou chorar rsrsr sou meio masoquista, gosto de sofrer com essas tramas
    http://felicidadeemlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita e pelo comentário:)