Trecho: A Chave de Rebecca - Ken Follett


A CHAVE DE
REBECCA


“Da primeira frase ao desfecho emocionante, Ken Follett oferece o suspense infalível que os leitores se acostumaram a esperar dele.” – Los Angeles Times

“Um thriller de altíssima qualidade... Conspirações e paixões improváveis... É impossível parar de virar as páginas.” – The Washington Post

“Brilhante. Uma grande aventura de tirar o fôlego.” – Time

Norte da África, Segunda Guerra Mundial. As tropas britânicas na região estão sofrendo perdas significativas. Não há dúvidas de que alguém está informando o inimigo sobre os movimentos e planos estratégicos do exército britânico. O espião é conhecido por seus compatriotas alemães como Esfinge, mas para todos os outros é o empresário europeu Alex Wolff. Após cruzar o deserto, ele chega ao Cairo, no Egito, munido de um rádio, uma lâmina letal e um exemplar do livro Rebecca, de Daphne du Maurier. Violento e implacável, ele está disposto a tudo para cumprir a missão que recebeu. Para isso, conta com a ajuda de uma dançarina do ventre tão inescrupulosa quanto ele. O único homem capaz de detê-lo é William Vandam, oficial da inteligência britânica que precisa desvendar o enigma do Esfinge para interromper o avanço dos nazistas. Ao mesmo tempo que os alemães chegam cada vez mais perto da vitória final, Vandam também se aproxima de seu adversário, da chave que revela o código escondido no livro – e do combate mortal do qual apenas um deles sairá vencedor.
Trecho do livro : 
Agora não estava longe do destino. Conhecia o deserto, mas sentia medo dele – todos os homens inteligentes sentiam, até os nômades que passavam a vida inteira ali. Jamais permitia, porém, que esse medo tomasse conta dele, induzisse ao pânico, acabasse com sua energia. Sempre havia catástrofes: erros de orientação que faziam a pessoa deixar de passar em um poço por alguns quilômetros; odres que vazavam ou estouravam; camelos aparentemente saudáveis que adoeciam poucos dias depois da partida. A única reação era dizer Inshallah: é a vontade de Deus. - BAIXE O TRECHO
Sobre o autor:
Ken Follett irrompeu no cenário da literatura aos 27 anos, com O buraco da agulha, thriller premiado que chegou ao topo das listas de mais vendidos em vários países. Depois de outros sucessos do gênero, surpreendeu a todos com Os pilares da terra, um romance sobre a construção de uma catedral na Idade Média que até hoje, mais de 20 anos após seu lançamento, continua encantando o público mundo afora. Pela Arqueiro, publicou também a trilogia “O Século”, além de Um lugar chamado liberdade e As espiãs do Dia D. Suas obras já venderam mais de 150 milhões de exemplares no mundo. O autor vive na Inglaterra com a mulher, Barbara Follett.


1 comentários :

  1. Oi Marla,
    Sou doida para ler algo do autor, sempre leio elogios sobre sua escrita. Achei a proposta desse bem interessante.

    tenha uma ótima quarta =D
    Nana - Obsession Valley

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita e pelo comentário:)